Ads 468x60px

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Arquivo Linda: Ricardo Santana

A Bossa de Santana
Diogo Braz


No dia 17 de novembro de 2012, o palco do Espaço Cultural Linda Mascarenhas foi tomado pelo clima da Bossa Nova. Com um repertório formado por clássicos do estilo, o alagoano Ricardo Santana cantou no melhor estilo “um banquinho, um violão” sua homenagem aos mestres da Bossa.
Um banquinho e um violão - Foto de Diogo Braz

O estilo de cantar lembra o de João Gilberto, assim como o terno e a gravata, o violão minimalista e o volume suave da apresentação. Tudo remetia ao estilo de se fazer Bossa nova quando ela surgiu, no melhor estilo cápsula temporal buscando reviver a experiência de se ouvir Bossa Nova como era feita a Bossa Nova, mas ao invés de Copacabana, Pajuçara. O público amante do estilo compareceu e aplaudiu a apresentação, que trouxe, entre as pérolas do gênero, Vinicius, Jorge Ben, Tom Jobim; menos João Gilberto, curiosamente.

2 comentários:

Postar um comentário